Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



01
Fev18

nobody asked

São abraços perfumados de saudade que nos envolvem em momentos de carência e solidão. São vidas contadas a metade - porque metade se perdeu e a outra não. E porque ninguém perguntou. Ninguém perguntou como estava o coração; ninguém perguntou como estava a mente; ninguém perguntou como estava a alma. Ninguém perguntou se eras feliz - e quem o fez, na verdade, não queria saber e a resposta que recebeu não foi sincera. Porque, na tua carência e solidão, apenas a ti te tens. E  também porque ninguém perguntou - e eu também não o disse. 

Autoria e outros dados (tags, etc)